Tags

, , ,

   Mais uma vez coloco-me em pensamentos celestes, atravessando as águas turbulentas da ignorância com uma intocável fé de chegar até o porto da sabedoria, que é vós ó meu Amável Deus e Pai, Pai e Deus, Deus e Irmão, Irmão e Deus, Deus e Amigo, Amigo e Deus.

   Doces irmãos, são diversas as vezes em nossas vidas que sentimos os ventos baterem forte em nosso barco, ele chacoalha e chacoalha e o medo toma o nosso coração. É muito difícil, confesso, em muitos de turbulência ter esperança e, por pior, acreditar na providência divina.

   Porém, devemos saber que por momentos o que antes achávamos mau era bom,2 encontro pastoral da juventude não sabemos enxergar a bondade em algo que nos faz sofrer, entretanto é de se lembrar que mesmo a cruz se faz uma bela rosa entregue a Deus. Quando parecer mais difícil o sofrimento, acredite em Deus reze e conversando com ele vós apreendereis a saber passar calmamente pelo fogo. A massa crua não se tornará um saboroso pão se não passar pelo. Parece ser um dito motivativo até que antiquado, mais não o é, visto que poucos de nós o viveu.

   Por fim, alegre-se! Até o próprio pão que se encontra no fogo tem um momento de predeterminado para sê-lo tirado, assim também somos nós, Deus sabe até que tempo é necessário para que crescemos e nos ternemos um agradável pão, saboroso. No momento mais inesperado, Cristo vos aparecerá e vos dirás: vinde comigo, pronto tu estás para a nova vida que eu te preparei.

Ficai com Maria!

Anúncios