Tags

, , , , ,

       << João tinha dito a Herodes: Não te é permitido ter a mulher de teu irmão. Por isso Herodíades o odiava e queria matá-lo, não o conseguindo, porém. Pois Herodes respeitava João, sabendo que era um homem justo e santo; protegia-o e, quando o ouvia, sentia-se embaraçado. Mas, mesmo assim, de boa mente o ouvia. Chegou, porém, um dia favorável em que Herodes, por ocasião do seu natalício, deu um banquete aos grandes de sua corte, aos seus oficiais e aos principais da Galiléia. A filha de Herodíades apresentou-se e pôs-se a dançar, com grande satisfação de Herodes e dos seus convivas. Disse o rei à moça: Pede-me o que quiseres, e eu to darei. E jurou-lhe: Tudo o que me pedires te darei, ainda que seja a metade do meu reino. Ela saiu e perguntou à sua mãe: Que hei de pedir? E a mãe respondeu: A cabeça de João Batista. Tornando logo a entrar apressadamente à presença do rei, exprimiu-lhe seu desejo: Quero que sem demora me dês a cabeça de João Batista. O rei entristeceu-se; todavia, por causa da sua promessa e dos convivas, não quis recusar. Sem tardar, enviou um carrasco com a ordem de trazer a cabeça de João. Ele foi, decapitou João no cárcere, trouxe a sua cabeça num prato e a deu à moça, e esta a entregou à sua mãe. >> (Mc 6, 18-29).

       Um dos males mais graves que assola o coração do homem é não querer assumir sua culpa, isso faz que a humanidade não evolua. Como é triste ver um homem que não aceita seu erro. Quando isso acontece o coração somente endurece sem crescimento para vida.

       Herodíades deveria aceitar os ensinamentos de João e seguir retamente, mas a dureza de seu coração não permitiu que isso acontecesse. Tramou, tramou e conseguiu ter em suas mãos a cabeça de João Batista, um homem justo e integro que não merecia ter seu sangue derramada por um capricho de um governador fanfarrão.

       Caros irmãos, não segueis os exemplos desses perversos, mas sede cientes de suas culpas, pois somente isso fará que vós alcanceis o perdão de Deus, sendo que Ele somente te concederá o perdão e será misericordioso para contigo se tu assumires tuas culpas.

       É pelo reconhecimento da culpa que alcançamos a libertação de nossos pecados. Bem soubera Maria reconhecer até onde podia ir, mesmo não tendo mancha nenhuma sobre seu corpo, ela bem soubera o que era certo e o que era errado, por isso que não cometeu nenhum erro, pois sabia até onde podia andar. Se nós fossemos ao menos um pouco prudentes como nossa mãe celeste conseguiríamos alcançar grandes méritos diante de Deus.

       Peçamos a virgem Santíssima que consigamos alcançar a graça de aceitar a nossas culpa e podermos assim crescer diante de Deus.

Anúncios