Tags

, , , , ,

Evangelho do dia (Jo 21,15-19)

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.

— Glória a vós, Senhor.

Jesus manifestou-se aos seus discípulos 15e, depois de comerem, perguntou a Simão Pedro: “Simão, filho de João, tu me amas mais do que estes?” Pedro respondeu: “Sim, Senhor, tu sabes que eu te amo”. Jesus disse: “Apascenta os meus cordeiros”.

16E disse de novo a Pedro: “Simão, filho de João, tu me amas?” Pedro disse: “Sim, Senhor, tu sabes que eu te amo”. Jesus disse-lhe: “Apascenta as minhas ovelhas”. 17Pela terceira vez, perguntou a Pedro: “Simão, filho de João, tu me amas?” Pedro ficou triste, porque Jesus perguntou três vezes se ele o amava. Respondeu: “Senhor, tu sabes tudo; tu sabes que eu te amo”. Jesus disse-lhe: “Apascenta as minhas ovelhas. 18Em verdade, em verdade te digo: quando eras jovem, tu te cingias e ias para onde querias. Quando fores velho, estenderás as mãos e outro te cingirá e te levará para onde não queres ir”.

19Jesus disse isso, significando com que morte Pedro iria glorificar a Deus. E acrescentou: “Segue-me”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor

     Pedro é chamado a ser chefe da Igreja de Cristo pelo próprio Divino Mestre, não que a nova Igreja seja uma empresa mercantil para possuir um mandante e mandados, mas Deus quis que fosse organizado, que possuísse um espelho para os demais visse seu reflexo e o seguisse. Pedro foi chamado a ser modelo, pois ele agora é o pontífice da Igreja nascente, imagem de um Cristo fiel e zeloso.

    Grande surpresa poderia surgir entre os apóstolo diante dessa escolhe, pois Pedro fora aquele que não teve coragem diante da perseguição afirmar que acreditava que o Senhor era o rei de Israel e que ele era seu discípulo e agora ser colocado como líder da Igreja. Mas isso não é nenhum motivo de escândalo para os que conhece o senhor, pois sabem que Jesus não escolhe os forte, mas fortalece os fracos.

    Pedro foi o escolhido por ser aquele que Jesus encontrou a graça necessária para caminhar a frente da Igreja. Todos nos nascemos como uma inclinação para algo, por mais que parece estranho nos dias atais dizer que alguém é predestinado a algo isso existe e acontece frenquentemente. Pedro tinha a predisposição para ser líder da Igreja e assim se sucedeu com  todos os outros papas.

    Peçamos a Nossa Senhora de Fátima que Deus nos ensine a viver a nossa vocação e que titubeamos em vive-la.

Anúncios