Tags

, , ,

Não há nada que seja mais sublime que a obediência. Quando caminhamos sem destino, entregues a má sorte, estamos mergulhados na infidelidade, visto que se não temos um caminho estamos sujeitos a desonestidade, pois não temos caminho. Quando caminhamos em um destino determinado, dificilmente entraremos no triste vale da desonestidade, visto que entregaremos nossos pensamentos a uma ideologia determinada, não cairemos em desilusões. E que permanece fiel aos seus pensamentos conseguem grandes prodígios, temos como exemplo Noé. Visto “que Noé obedeceu, e fez tudo o que o Senhor lhe tinha ordenado.” (Gn 6, 22). Construiu uma arca e foi colaborador da salvação inicial das criaturas.

Se andamos em vales tenebrosos é porque isso escolhemos. Ninguém está sujeito a má sorte por destino. Não há aquele que possa dizer que Deus esqueceu-se dele e o deixou afundar nenhum mar desilusão. Todos nós somos chamados a vitória, porém temos o direito a escolher se queremos andar por esse caminho. Assim como podemos escolher pela boa sorte também podemos escolher pela má sorte, que em outras palavras é escolher entre a obediência e a insubordinação. Se não andarmos com o senhor estaremos escolhendo pela desobediência, como filhos de Deus devemos obedecer nosso pai e caminhar o seu caminho. Porém muitos perguntaram e qual é p caminho do Senhor?

O caminho do senhor é a misericórdia. Devemos seguir essa vereda, não vacilando para um lá, nem para outro, mas caminho fielmente na graça de Deus. Todos aqueles que escolhem o caminho da graça, ou seja, da felicidade terão uma vida de julgo leve, pois é a essa vida que Deus nos chama. Não temos um Pai perverso que não se importa com os nossos sofrimentos, pelo contrário temos um pai que nos ama infinitamente e deseja que sejamos salvos, por isso que devemos ser obedientes, devemos andar no caminho que Ele prescreve, assim alcançaremos a paz de uma vida feliz. Todos aqueles que descansam é porque repousam no senhor.

Anúncios