Tags

, ,

estender a mão

Sempre devemos buscar por pais, e só possui a paz que sabe perdoar.

Não há dúvidas de que o primeiro sentimento que vem a nossa mente quando sofremos alguma ofensa de alguém é de vingança. Como é um sentimento sujo e que traz muitos abismos para o nosso coração, quando estamos a cultivar esse sentimento em nosso peito. Mas, como libertasse desse mal, ele que é, quase pode se dizer, natural do ser humano? Ele não é querido por Deus, e nunca poderá ser justificado. Mesmo que seja até considerável, nunca será justificado, sempre será um sentimento mal e nunca poderá dizer que Deus será complacente. Temos que nos libertar dele, mas como conseguiremos isso?

Há um método para se livrar desse mal: conduzir nosso peito para a casa do Nosso Pai. Livrando-se de todo mal que nosso peito está encharcado. Com um pequeno pedido podemos conquistar está libertação: livra-nos, ó Deus, de toda mágoa; de todo mal sentimento. Que nosso peito esteja em teu coração, sentindo o que tu sentes; amando o que tu amas; vivendo o que tu vives. Conduze-nos para um mar de glória, para que possamos perdoar as pequenas coisas que meu irmão fez contra mim. Que estejamos libertos dos ensinamentos deste mundo que nos pede para se libertar do mal que brota das palavras dos que não gostam de Amor.

Com essa simples oração, estaremos a nos livrar do mal do mundo, que nada mais é que acreditar que tudo podemos resolver com brigas e violência física. Amar é a única solução para conquistar a paz interior. Não devemos temer andar nos caminhos de Deus. Procurar a Paz é sair do poço dos temores do amor. Amar é estar com Deus, é saber viver a vida sem mágoas no coração e feliz com a vida. Quem sabe perdoa, sabe viver com Cristo, não se preocupa com a vingança, e nem poder ofender aqueles que estão em nossa volta. Quem ama não é ofendido e nem se ofende com as más palavras do nosso mundo.

Mas muitos poderão dizer: mesmo com a oração, ainda é difícil conquistar a paz de uma alma que sabe perdoar. Quando nossa alma está tão fraca que não conseguimos falar palavras sinceras para Deus e nossa prece não chega no trono do Altíssimo, há uma única saída: buscar um exemplo de entre os filhos deste mundo. Podemos citar o exemplo de grandes santos, porém poderá se dizer que eles antes disto abandonaram tudo e não tinham mais os sentimentos deste mundo, estavam totalmente ligados em Cristo, pode se dizer quem nem mais eram homens, eram como anjos.

Temos um grande exemplo que é incontestável, de um homem que ainda não conhecia Cristo e que nem tinha muitos conhecimentos sobre a Santíssima Trindade. Este exemplo é o de José filho de Jacó. Como ele não sofreu por causa da inveja de seus irmãos, ao ponto de ser vendido para o Egito. Após ele vencer em terra estrangeira, seus irmãos precisaram dele, e o que fez: os abraçou e viveram o Amor de Cristo sem ao menos conhece-lo. Sigam este exemplo e viverá feliz.

Anúncios