Tags

, , , ,

Nos mares da vida, há momentos fortes de tempestade que nos amedronta, sempre pensamos em voltar e não mais continuar a andar. Tem diversos momentos em nossa caminhada em que não queremos continuar, devido a grande força das chicoteadas que são dadas nas nossas costas, o peso parece ser demais. Tudo parece perdido quando nossas forças parecem não poder vencer os desafios que a caminhada nos impõe. É triste saber que nossas forças não podem avançar a novos mares, que não podemos ir adiante em nossa caminha. É um pesar amargoso.

É como a seguinte ilustração. Em um longo mar, que possuía diversas criaturas, tão grandiosas que podiam se ver da terra firme. Um homem corajoso embarcou c

barco à deriva

Quando as ondas parecerem mais fortes, quando tudo parecer pedido, acredite em Deus e tudo vencerá.

om sua família, mesmo vendo que tudo aquilo era maior que ele quis prossegui. Eis que veio os desafios. Além dos fortes ondas as asquerosas criaturas queriam entrar em seu barco. Seu medo superou sua coragem. Por momentos desejou desistir, porém sua família lembrou-se de sua grande devoção. Eis que ele se lembrou de Deus e pediu força. A força lhe foi dada dos Céus, e assim ele continuou e venceu chegando até o cais.

Devemos acreditar nessa lustração. Mesmo quando as coisas parecerem infinitamente difíceis, devemos nos lembrar que nos Céus existe um grande Deus que nada há maior que Ele, tudo pode vencer, seu nome é vitorioso. Nosso Pai é mais forte que tudo. Quando em nossa caminhada nossas chagas forem maior que nossa força, peça a Deus o sustento, o suplemento, necessário para que possa continuar a andar, e Ele lhes dará e assim poderá a continuar a andar, com Deus, a Virgem Maria e todos os santos e anjos.

Mais, só não consiste nossa caminhada em pedir por nos mesmo. Temos que pedir por nossos irmãos também. Quantos são os irmãos que não mais acreditam que podem chegar ao final desta caminhada; quantos são os irmãos que já perderão, que triste acontecimento, a fé em nosso Deus e não mais querem caminhar. Todos merecem continuar a andar. Peçamos por nossos irmãos que estão tão fracos que não podem mais pedir, por aqueles que não mais acreditam na vitória. Eles como nós merecem as bênçãos dos Céus.

Peçamos por nossos irmãos. Muitos para que possam vencer só precisam de uma palavra amiga; por precisam de um sim em suas vidas. E também nós nos fortaleceremos, pois o que poderá aliviar as dores de nossas chagas do que ter um amigo para que possa caminhar conosco. Como Jesus Cristo louvou ao Pai por ter lhe concedido um bom amigo que lhe ajudou a carregar a cruz, deve ter rendido naquele sofrimento um belo canto aos Céus, um louvado sejas. Devemos também nos desejar amigos para que aliviem nossas dores com sua companhia. Obteremos um bom amigo quando intercedermos por ele, pois o que mais demonstra afeto do que dedicar nosso tempo para outras pessoas. Vivem fortemente a caminhada pedindo a Deus que nos conceda força para que possamos vencer nossa jornada. Peçam também por seus amigos para que eles também vençam.

Anúncios