nossa-senohora-do-perpetuo-socorro-1

Ó Mãe Nossa, leva-nos no teu colo, como tu bem carregaste o teu filho, pedimos que na hora da dor tu esteja a nos acalentar.

Ó Mãe Santíssima, filha bem-amada do divino Pai, que teve a graça maior que se possa pensar, pois fora vós que recebeste o Senhor dos Céus em seu coração e o amou por primeiro, como tu és bendita por isso e mais ainda por ter sido aquela que mais amou o Teu Deus, amou como nenhum anjo pôde amar, como nenhum ser humano pôde nem sequer sonhou em amá-lo do modo que a Senhora o amou, por isso que tu és infinitamente bendita como teu Deus é infinitamente grande. Ó Mãe, agora que já te saudamos, cumprindo com nosso dever de discípulos de Jesus Cristo, iremos aqui pedir sobre a nossa vida amorosa. Pedimos, ó Mãe, por aqueles que mais amamos, para sejam felizes, que cada dia, mais e mais, alcancem os méritos divinos e se embriaguem mais da graça divina aponto de se perderem nesse amor. Pedimos também pelos jovens casais, que consigam permanecer fiéis pelos seus vetos, que nunca passem em suas vidas o cisco do mal, mas que vivam do amor para o amor. Atendei nossas súplicas, ó Mãe.

Reza-se um Pai Nosso e doze Ave Marias, saudando Nosso senhora como Rainha dos Anjos.

Anúncios