Tags

, ,

Em todo a nossa vida vivemos momentos difíceis, e como alguns momentos são difíceis parecendo que não possuem saída. Como é triste ver pessoas chorando por não encontrarem emprego, perdendo-se em lagrimas, porque vivem situações duras sem suas vidas, que parece que tudo irá desabar sobre suas cabeças, e aí parece que a única saída é fugir de si mesmo. Não são poucos os causos que nos levam a lágrimas infindas, que duramente correm o nosso rosto e nos levam para um fundo buraco imensamente escuro e vazio.

Pais que não mais veem seus filhos, porque esses não podem ver seus rostos. Mães que deixam de serem, se isso é possível, precocemente devido a doença que lhes arrastam para momentos turbulentos. Pobres pessoas que não avistam no horizonte oportunidades de vencer na vida, devido terem fracassado por diversos momentos. Quantos são os exemplos de pessoas que sentem que a cruz está a pesar demais, como se o peso que carregasse fosse totalmente desproporcional ao seu peso, como se aquilo fosse totalmente um absurdo.

Quando nossa vida se encontra nessa situação temos duas saídas: se apegar com Deus e entregar a Este bom pai tudo que possuímos, nossos cansaços, nossas derrotas, nossas lágrimas, ou se revoltar com tudo que está a nossa volta e culpa-lo (Deus) de tudo que se passa na nossa vida. São duas situações totalmente diversas, porém que possuem o mesmo fundamento, qual seja, nossas dores. São nossas dores que nos fazem aproximarmos mais de Deus, mas também são eles que nos fazem afastar-nos de sua presença.

Quando desejamos escolher um caminho que está longe de Deus, por revolta de tudo que está acontecendo em nossa volta, pode acreditar, tudo ficará mais difícil, cairemos por diversas vezes, choraremos mais ainda. Se é difícil carregar nossa cruz com Cristo e sem Ele? Tudo será de forma mais dura, não suportaremos. Mas quando entregamos tudo em suas mãos, seremos mais fortes e conseguiremos prosseguir com um sorriso mais largo, mesmo estando passando por um momento tão duro.

Anúncios