Nossa alma anseia por uma água boa

Tags

, , ,

Como somos sedentos de uma boa água. Caminhamos por diversos quilômetros somente

chuva

Desejamos uma água boa e essa água só pode ser Deus.

buscando uma água pura, que possa saciar a nossa sede de ser feliz. Não buscamos uma simples água, mas uma que possa proteger-nos do frio da solidão, do calar desnecessário, dos ventos que insistem em querer nos derrubar, é essa água que procuramos. Todavia, há diversos meio que nos possibilita beber de águas não tão boas e há somente um que nos possibilita beber de uma água pura.

Podemos encontrar águas em festas, lugares que nos é proposto diversos entretenimentos. É bom, até certa medida. Mas quem nos oferece isso é o mundo e ele quer que bebamos até sair por nossa mente como algo que não podemos viver sem ele. Não podemos nos entregar a algo do mundo que tenhamos como algo que não possamos viver sem ele. Tudo que é mundo é passageiro, e como podemos viver de algo que passa? Pois quando passar nos renderemos em lágrimas chorando sua partida, e, por pior, era aquilo que nos preenchia.

Encontramos outra água que nos é proposta pelo mundo do passageiro, qual seja, as drogas, ela nos leva para um mundo onde tudo parece ser bonito, que nos sentimos muito fortes ao ponto de poder levar toda uma noite para a vida toda. Como nós achamos fortes, abandonamos nossa família, nossos amigos, nossa vida. E quando ela passa, pois, um dia há de passar, somente restará um lastro de destruição, que nos fará perder em lágrimas, totalmente tristes por ter seguido esse mestre mentiroso.

Ainda existe outras águas, que não cabe aqui discorrer, pois levaria um tempo infindo e não renderiam os frutos desejados, visto que se tornaria cansativo e não atrairia a observância total de seus leitores. Enfim, existe uma água que é totalmente boa, que somente nos leva para a cura de nossas doenças existências, de nossos medos, de nossas angustias, de nossa vida sem rumo. Essa água é o bom e grande Deus que nos pede que saciemos totalmente de nossa sede.

Devemos ter sede de Deus, devemos procura-lo até o fim, e quando acharmos que não o estamos encontrando, aí que devemos busca-lo, pois todos aqueles que batalham para tê-lo se verão eternamente saciados. Podem acreditar, sua água lhes leva a plenitude de vida, não mais haverá sede em sua vida, tudo será bênçãos. Podemos nos entregar totalmente a Ele e veremos a glória nos envolver.

 

Anúncios

Nosso trabalho nos aproxima de Deus

Tags

, , ,

O trabalho sempre nos incomoda. Como somos retirados do nosso silencia quando

Gloria

Há cruzes que são felicidades quando fazemos de tudo um belo canto para o criador. Assim é o nosso trabalho, pode ser muito melhor quando o temos como uma grande benção.

estamos trabalhando, como que nossa alma se sentisse numa agitação sem igual. Porém não devemos mais prosseguir assim. Temos que fazer do nosso trabalho um momento de enriquecimento espiritual, pois verdadeiramente é. Podemos crescer muito mais quando estamos em contado com aquilo que nos satisfaz, nossa alma se enche de alegria quando realizamos algo que nos faz especial para os que estão ao nosso lado. É pelo trabalho que podemos dizer: Deus me fez para uma função especial nossos seus sonhos.

O que faz muitas pessoas se desanimarem na caminha é achar que não temos nenhuma função na grande história da criação. Todavia, devemos saber que não há nenhum trabalho que não seja bem visto por Deus. Possamos achar que somente aquele que se destaca é quem tem felicidade. Se soubermos viver nossos dias, sentindo feliz em chegar a noite o nos sentirmos cansados, pois vivemos um dia intenso, já está a fazer grande coisa pela existência da humanidade. Cada felicidade é o que constrói uma vida, uma sociedade e mundo melhor.

Nosso trabalho é bem visto por aqueles que possuem bons olhos, aqueles que sabem ver os méritos daquilo que realmente merece. Os bem-aventurados sabem ver no trabalho do seu irmão uma construção para uma sociedade de pessoas mais felizes, pois esses têm olhos abertos para aquilo que Deus ensina, sabem ver aquilo que está na frente de seus olhos. Porém há os maldosos, que não sabem elogiar aqueles que merecem, são em tudo empecilho para o crescimento daqueles que estão a sua volta, e, por pior, fazem com que os que estão felizes se tornem tristes.

Não devemos dar ouvido as críticas do maldosos, pois eles não sabem ver bondade em nada, talvez porque sua mente é totalmente infestada pelo mal e com isso seus olhos estão totalmente escuros para a clarão de nossa alegria. Mas devemos ouvir os conselhos daqueles que são bons, uma vez que tudo que eles nos dizem são para que cresçamos em nossa caminha. Enfim, nosso trabalho nos faz santos, nos faz feliz e provoca alegria, dos que são santos, e inveja, dos que são maus, devemos somente prosseguir, crescendo cada dia mais em nossa felicidade de poder construir um futuro melhor para nossa existência.

Quem canta traz a marca do Criador

Tags

, , ,

Na atualidade é comum ver pessoas cabisbaixas, como se não houvesse o amanhã. Isso pode ser fruto de sonhos que não foram realizados, ou talvez realizado, porém não trouxeram os frutos pretendidos. Como é duro saber que existe jovens que choram por não verem a beleza do sol, como se ele fosse apagado, como se não brilhasse com o brilha para aqueles que mora do outro lado da cidade. Como é duro ver uma mãe que perdeu seu filho para as drogas e fica se culpando disso, pensando que ela é a única culpado por seu filho ser quem é.

Hoje parece que o mundo é mais triste, não que isso se tome como uma generalidade, porém não vemos pessoas tão alegres como anos atrás podíamos ver. Parece que a chuva se tornou azeda e torna mais amargo os nossos dias. Como seria belo acreditar que todos podem ser felizes, parece uma total contradição com o que vivemos, pois há tantas lágrimas. Mas, todas essas lágrimas podem se tornar alegria. Cristo ressuscitou, para que tristeza.

Devemos acreditar mais que temos um Deus que está nos céus e que nos conduz para um mundo de felicidade. Cada pessoa que se converte deve se tornar um espelho de felicidade, para que cada pessoa que se olhe nesse espelho tenha mais alegria em sua vida. Não podemos aceitar cristãos triste. Não podemos ser como o mundo é. O mundo é triste, mas nós devemos ser alegres. Devemos levar alegria para um mundo triste. Devemos levar felicidade para aqueles que só veem enterros e desterros.

Temos necessidade de mais cantores. Precisamos de mais felicidade em nossas ruas. Peçamos ao Pai dos céus mais São Francisco, que haja mais jovens que peguem um violão e saiam rua a fora cantam para as estradas. Precisamos mais de pessoas cantando, vibrando aos Céus a alegria de estarem vivos, somente por isso por estarem vivos. Para que milagre maior do que está vivo. Como é grande nossa alegria. Então, manifestemos ao mundo nossa alegria. Somos vida para um mundo preste a morte. Cada que passa temos que render mais e mais nossa alegria de pertencer a Deus. Pois, não há dom maior do que pertencer a Deus. Cantemos.

Deus é inalterável

Tags

, ,

Nos dias atuais é difícil acreditar em tudo que a Igreja pede que acreditamos. Vivemos em um tampo de grandes informações, que tudo parece que é relativo, que não existe verdade fixa. Vivemos no tempo das verdades flexíveis, visto que tudo pode ser mudado pelo discurso de alguém que possui uma forma bonita de falar, não importa a forma que se está a se falar, mas se é bonito o que está a se dizer, é aceito imediatamente. Parece ser um disparate, mas é o que se se está a acontecer.

As verdades flexíveis não nos levam a nada, possa até que pensemos que elas podem nos levar a algum lugar, mas não nos levaram a lugar nenhum. Como é fácil aceitar algo que é passageiro, pois hoje estaremos de um jeito e amanhã não mais precisaremos seguir aquele caminho. Como é simples. Podemos dizer que tudo é mais leve quando não precisamos seguir um dogma. Como os dogmas são duros. Uma coisa que não muda ao passar do tempo exige perseverança daqueles que estão dispostos a seguir.

Não podemos acreditar que Deus é um deus flexível, que através dos tempos vai mudando conforme os caprichos de seus filhos, de suas criaturas. Nós podemos mudar. A cada dia que passa ousamos querer algo novo, exigimos mudanças de nós mesmos. Não é ruim querer sair da mesmice, não somos obrigados a permanecer com o mesmo corte de cabelo, com a mesma roupa, com o mesmo sapado, não, não existe o dogma da roupa.

Há coisas que são alteráveis por sua própria natureza, pois se permanecessem sempre da mesma forma se tornariam insuscetíveis, bem assim existe outras que não são alteráveis. Nosso Deus é inalterável. Não acordaremos e sentiremos um Deus diferente, não podemos acreditar que existe o deus da moda e o deus antiquado. O amor de Deus permanece intocável, assim como Ele amou Pedro, assim mesmo Ele nos ama. Seus dogmas também são inalteráveis. Mas podemos dizer: os dogmas não são da Igreja e a Igreja não é uma criação humana?

A Igreja é humana e divina, divina por ser de Cristo, e é Cristo, e humana, também por ser Cristo humano, mas principalmente por nós sermos seus membros. Os dogmas são de Deus, são dados por Deus. Tudo que há na Igreja foi revelado pelo Espirito Santo e deve ser honrado por todos aqueles que amam o seus Deus, e podem acreditar: nunca virá a ser alterado.

A cruz com Cristo é mais bela

Tags

, ,

Em todo a nossa vida vivemos momentos difíceis, e como alguns momentos são difíceis parecendo que não possuem saída. Como é triste ver pessoas chorando por não encontrarem emprego, perdendo-se em lagrimas, porque vivem situações duras sem suas vidas, que parece que tudo irá desabar sobre suas cabeças, e aí parece que a única saída é fugir de si mesmo. Não são poucos os causos que nos levam a lágrimas infindas, que duramente correm o nosso rosto e nos levam para um fundo buraco imensamente escuro e vazio.

Pais que não mais veem seus filhos, porque esses não podem ver seus rostos. Mães que deixam de serem, se isso é possível, precocemente devido a doença que lhes arrastam para momentos turbulentos. Pobres pessoas que não avistam no horizonte oportunidades de vencer na vida, devido terem fracassado por diversos momentos. Quantos são os exemplos de pessoas que sentem que a cruz está a pesar demais, como se o peso que carregasse fosse totalmente desproporcional ao seu peso, como se aquilo fosse totalmente um absurdo.

Quando nossa vida se encontra nessa situação temos duas saídas: se apegar com Deus e entregar a Este bom pai tudo que possuímos, nossos cansaços, nossas derrotas, nossas lágrimas, ou se revoltar com tudo que está a nossa volta e culpa-lo (Deus) de tudo que se passa na nossa vida. São duas situações totalmente diversas, porém que possuem o mesmo fundamento, qual seja, nossas dores. São nossas dores que nos fazem aproximarmos mais de Deus, mas também são eles que nos fazem afastar-nos de sua presença.

Quando desejamos escolher um caminho que está longe de Deus, por revolta de tudo que está acontecendo em nossa volta, pode acreditar, tudo ficará mais difícil, cairemos por diversas vezes, choraremos mais ainda. Se é difícil carregar nossa cruz com Cristo e sem Ele? Tudo será de forma mais dura, não suportaremos. Mas quando entregamos tudo em suas mãos, seremos mais fortes e conseguiremos prosseguir com um sorriso mais largo, mesmo estando passando por um momento tão duro.

O Mau nunca será o bom caminho a se tomar

Tags

, ,

Neste mundo voraz parece que tudo se torna mais fácil para quem tem maus pensamentos, para quem é inclinado para mal. Quantas vezes vemos atitude más sendo aplaudidas por uma grande multidão de pessoas, como se o mal pudesse ser saudado como se fosse algo bom. Parece que o mundo perdeu o senso crítico do que é bom e do que é mau. É uma verdade dura, mas que parece está tornando tons de realidade, visto que o coração humano está se tornando insensível.

A ganância é o que reina. Quantos são os jovens que saem da escola, dos seus áureos

duas escolhas

O sol da felicidade está escondido atrás de nossos desejos mais singelos.

anos, com pensamentos de destruição, que desejam abandonar tudo somente pelo único desejo de possuir o mundo, desejos que de tanto arderem e os fazem buscar, de forma mais desenfreada, alcançar esta meta, chegando até, na crise do fracasso, se entregarem a problema existenciais, mesmo sendo tão jovens. O mundo mau desejo a maldade, e está terrível mancha se alastra por todo o seu corpo, vindo até alcançar o seu coração, que, da forma mais sorrateira, arranca toda sua esperança de alcança a morada destinada aos filhos da paz.

Deus ama os pequeninos, aqueles que são totalmente entregues os pensamentos minúsculos para esse mundo. Quanto os santos são zombados, haja vista que não desejam aquilo que é comum para esse mundo, como se os seus bons pensamentos fossem maus, porém quando esse mundo está enganado. Grande realmente é aquele que é pequeno, parece ser até uma insanidade, pois, como aquele que é pequeno pode ser grande, como alguém que não possui nenhuma riqueza pode se dizer grande.

Deus é quem faz o pequeno ser grande, uma vez que ele é totalmente apaixonado por aqueles que não procuram riqueza nesse mundo, aqueles que somente trabalham pela alegria de ver o seu suor ser revertido em ações que podem ajudar o mundo, aqueles que poupam para na maior necessidade de seu irmão poderem ajudar. Não são as grandes fortunas que faram o homem feliz, mas serão as grandes obras que foram seu coração transbordar e fazer encher a reserva de amor que o mundo tanto necessita sangrar de tanto cheia.

Ser entregue a bondade de Deus é saber doar-se pelo seu irmão. Aqueles que vivem entregues os pensamentos do mundo nunca alcançaram isso, pois somente pensam em acumular para si, nunca sedem aos bons pensamentos que vez ou outra passa por sua mente, somente deseja que os outros se entregue para si, mas como se entregaram, pois eles são tão grandes que afastam os pequeninos.

Sábios os filhos que sabem ouvir uma bronca

Tags

, , ,

Bendita a boca de um pai que fala do amor de Deus. É como os raios do sol, que fortes atravessam toda a escuridão e amostram o que antes ninguém via. Bendita a mãe que sabe dar carinha ensinando. É como como uma bela rosa, que, sim, sim, possui espinhos, porém que mais ensinam do que as belas pétalas. Benditos os filhos que sabem amar seus peais nas lágrimas e nas felicidades, pois são como a terra que sabe receber a chuva e dá bons frutos.

Quantos não são os filhos que somente esperam que seus pais sejam afagáveis, mas no momento que veem a dureza de suas palavras, logo querem dissiparem-se deles não mais olharem no seu rosto com olhar de carinho, e, longe deles, quererem olhar com grande sentimento de orgulho por ter bons pais. Não são poucos os momentos que os filhos, até os mais instruídos, olham para os seus pais com olhar de desprezo por eles ter lhes falado com agudeza. Se pode ter por comum esse sentimento até um certo ponto.

Tudo extrapola a normalidade quando os filhos, horas depois de terem tomado uma bronca, não retornarem ao seu estado normal e aceitam que realmente estavam em erro. Não é aceitável que eles queiram odiar os pais para sempre, por não se curvarem aos seus desejos e lhes fazerem reis em palavras destorcidas. Tudo está preso ao senso da estrita realidade. Não se pode aceitar que a loucura passageira alcance graus sórdidos, que lhes leve a abandonar a família.

Todos nós filhos devemos saber que nossos pais possuem muitas limitações e que vezes, poucas vezes, eles realmente tomam decisão em dissonância com a realidade. Porém, devido aos longos anos, muitas vezes seus castigos, broncas, admoestações são totalmente sensatas e devem serem escutadas, para que em nossa vida não amarguramos a dor de não ouvir aqueles que tinham razão.